Início » Blog » Nossa primeira matéria no Estadão

Nossa primeira matéria no Estadão

  • por
Sharing EC Coworking em Pinheiros

Acredite, nossa primeira matéria no Estadão não foi para falar somente do sucesso do espaço mas sim sobre agradecer.

Agradecer ao invés de reclamar - Móveis de Valor
Todo empreendedor deve saber o momento de agradecer

Quando abrimos nosso primeiro conjunto (apenas 98m² – chegamos a ter quase 2.400m²) foi um grande desafio e ter a ajuda de pessoas é importe. É difícil ter a humildade de aceitá-la, entender que quem a oferece quer o seu bem e ao nosso ver este é o começo do sucesso de seu empreendimento.

Quando nosso founder fala sobre empreender ele cita muito as famosas “listas” mágicas como “10 passos para o sucesso” e ele sempre diz para evitá-las. Sim, evite. Por vários motivos que não cabem neste post e não é o tema principal, mas principalmente porque não tem o principal fator – AGRADECER.

Empreender é uma decisão conjunta, não egoísta e envolve todo seu círculo familiar e o sucesso vem de todos envolvidos. Quando decidimos entrar neste processo precisamos de muita calma para que a empresa gere seus dividendos e conquiste seu espaço no mercado. Uma boa estimativa, conversa franca, pés no chão e visão do futuro para todos os envolvidos faz com que todos participem e colaborem do projeto.

Quando o Estadão nos convidou para nossa primeira matéria muita coisa nos passou pela mente como falar do nosso crescimento, ganhos, clientes etc. Decidimos seguir por outro caminho, contar um pouco da história de quem nos ajudou a estar ali e dividir esta primeira conquista, o que para nós fazia todo o sentido. O espírito de um coworking é o compartilhar, dividir para crescer e por isso agradecemos quem nos ajudou no minuto 1.

Deixaremos o link da matéria original para que possam ler e entender todo nosso texto sobre agradecimento. Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós!

Matéria completa – https://pme.estadao.com.br/noticias/geral,com-ajuda-da-sogra-argentino-abre-negocio-no-brasil-e-espera-faturar-r-500-mil-em-2014,3189p

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *